Barbearia dos Estados Unidos dá desconto para crianças que leem em voz alta durante o corte
Projeto batiza cães para adoção com erros gramaticais do Google
11/03/2019
Conheça o Buraco Azul de Belize, o maior sumidouro do mundo, localizado no Caribe
13/03/2019

Barbearia dos Estados Unidos dá desconto para crianças que leem em voz alta durante o corte

Você chega para cortar o cabelo. O cabeleireiro está ocupado, então você pega uma revista ou jornal e vai folheando as páginas até ser atendido. O que parece ser rotina para quase todo mundo ganhou um toque diferente em uma barbearia norte-americana. Lá, as crianças que leem as histórias em voz alta enquanto aparam as madeixas ganham um pequeno desconto como recompensa. A atitude tem sido elogiada por pais e professores, ganhando adeptos em outras cidades dos Estados Unidos.

O idealizador do projeto é Ryan Griffin, proprietário da barbearia The Fuller Cut, localizada em Ypsilanti, Michigan. Pai de três filhos, o empresário resolveu levar para o salão os livros que não eram mais lidos em casa. Cada criança que senta em sua cadeira recebe um livro e é informada da promoção. Se aceitar, ganha um desconto de dois dólares no corte. Em pouco tempo, a ideia se espalhou pelo bairro e pela cidade, e ele foi ganhando clientes e entusiastas.

Griffin brinca que a ideia é mais elogiada pelos responsáveis do pelos pequenos, dizendo que as crianças gostam mesmo é de receber os dólares de volta. Os professores da região também elogiam o barbeiro por incentivar o hábito da leitura. Atitudes semelhantes já foram registradas em outras cidades, como Dubuque (Iowa), Houston (Texas) e Columbus (Ohio).

Com livros de todos os tipos, a barbearia conta hoje com mais de 100 títulos diferentes. Muitos clientes, geralmente adolescentes, levam seus livros para o espaço para que outras crianças possam ler também, criando rotatividade de publicações. Griffin diz que “quando uma criança pensa que é legal ler, isso é um presente”. O objetivo agora é que outros salões em outros países também adotem seu conceito, pois esta “é uma forma de dar confiança para que as crianças leiam livros em voz alta na escola”, segundo o proprietário.



Open chat
1
Olá! Como podemos te ajudar?
Powered by