Cinco filmes de Alfred Hitchcock, o mestre do suspense no cinema
Busto de Alexandre, o Grande, é redescoberto em museu grego
12/08/2019
Google Earth lança ferramenta que disponibiliza áudios de dialetos indígenas
14/08/2019

Cinco filmes de Alfred Hitchcock, o mestre do suspense no cinema

Alfred Hitchcock é, sem dúvidas, o mestre do suspense do cinema mundial. O inglês, que completaria 120 anos neste dia 13 de agosto, é um dos mais influentes cineastas da história, tendo dirigido mais de 50 longas-metragens em 60 anos de carreira. Diretor, produtor e roteirista, o britânico também fez carreira como ator em alguns de seus filmes. Hoje o blog da Traduzca apresenta cinco de seus mais marcantes filmes para lembrar a data de seu aniversário.

Janela Indiscreta, de 1954

Baseado no conto It Had To Be Murder (ou Tinha que ser Assassinato, em tradução livre do inglês), publicado em 1942 por Cornell Woolrich, Janela Indiscreta é considerado um dos melhores filmes já feitos na história do cinema. Estrelado por Grace Kelly, o longa de Hitchcock recebeu quatro indicações ao Oscar de 1955 e está na lista dos 100 Melhores Filmes Estadunidenses do American Film Institute.

O Homem Que Sabia Demais, de 1934 e 1956

Hitchcock gostava tanto desse filme que o dirigiu duas vezes. A primeira filmagem foi em 1934, logo no início de sua carreira no cinema. A segunda ocorreu anos depois, em 1956, quando já era um diretor reconhecido e consagrado, com um elenco formado por grandes estrelas da época, como James Stewart e Doris Day.

Um Corpo que Cai, de 1958

Filmado em São Francisco e Hollywood, o longa de Hitchcock foi o primeiro a utilizar o zoom Dolly, uma técnica de câmera que distorce a perspectiva e cria desorientação em quem assiste. O efeito foi batizado com o nome do filme em inglês: Vertigo. Indicado duas vezes ao Oscar de 1959, a história foi baseada no romance Dentre os Mortos, do francês Boileau-Narcejac.

Intriga Internacional, de 1959

Presença constante na lista dos melhores filmes de todos os tempos, Intriga Internacional foi roteirizado por Ernest Lehman, que desejava escrever “o filme de Hitchcock para acabar com todos os [outros] seus filmes”. A história de um homem perseguido por uma organização misteriosa que tenta contrabandear filmes com segredos do governo recebeu três indicações ao Oscar de 1960.

Psicose, de 1960

O mais conhecido filme do diretor inglês, Psicose foi baseado na publicação homônima de Robert Bloch. Hitchcock adquiriu anonimamente os direitos do livro por US$ 11 mil, além de comprar todas as cópias disponíveis no mercado para que ninguém lesse o final da história.



1
Olá! Como podemos te ajudar?
Powered by