Clube de futebol argentino vira notícia por limpar os vestiários que utiliza - Traduzca - Tradução juramentada, simultânea e documentos. Orçamento online!
“A Lua”, de Tarsila do Amaral, agora faz parte do acervo do MoMa
28 de fevereiro de 2019
Estado da Austrália permite utilização de emojis nas placas de carros
6 de março de 2019

Clube de futebol argentino vira notícia por limpar os vestiários que utiliza

Enquanto muitos pensam em aumentar a divisão entre povos e criar barreiras entre países, um pequeno time de futebol da Argentina dá exemplo de diplomacia. O clube, que disputou as primeiras fases da Copa Libertadores da América em 2019, virou notícia nos principais sites de esporte porque costuma limpar os vestiários que utiliza antes e depois dos jogos fora de casa. A atitude, fora do comum, chama a atenção de todos.

O time argentino virou notícia pela primeira vez na primeira quinzena de fevereiro, quando enfrentou e eliminou o brasileiro São Paulo da competição. Após o segundo jogo, disputado no Brasil, o clube publicou em sua conta no Twitter três fotos, onde é possível ler a mensagem “São Paulo, muchas gracias. Compartimos o desafio de continuar a crescer” ou “São Paulo, muito obrigado. Compartilhamos o desafio de continuar a crescer” na tradução do espanhol para o português. Com a carta, três presentes: um livro contando a história centenária do time, uma revista comemorativa e uma cuia de chimarrão.

Semanas depois, o fato voltou a ser notícia, mas agora em outro local. Como passou de fase, o Talleres enfrentou o chileno Pastelino, também em dois jogos. Eliminado da competição em Santiago, o clube voltou a limpar o vestiário do time local, que publicou a mensagem deixada pelos argentinos: “Felicitaciones, Palestino! Muchas gracias por la hospitalidad. Que el fútbol una las fronteras.” ou “Parabéns, Palestino. Muito obrigado pela hospitalidade. Que o futebol una as fronteiras” na tradução do espanhol para o português.

A Copa Libertadores da América, competição mais importante do futebol da América do Sul, continua sem o Talleres de Córdoba. O importante é que a atitude do pequeno clube argentino continue entre os times que ainda disputam o campeonato, independente do país e do idioma, unindo fronteiras.