História: três fatos que aconteceram no dia 13 de maio
Conheça Dubrovnik, a cidade medieval que criou a quarentena
12/05/2020
Moça com brinco de pérola, de Vermeer, tem detalhes escondidos revelados
14/05/2020

História: três fatos que aconteceram no dia 13 de maio

O dia 13 de maio é um dos mais importantes do calendário. Em anos distintos, três fatos marcantes da história do Brasil e do mundo aconteceram nesta data. Hoje registramos aqui no blog da Traduzca a assinatura da Lei Áurea, em 1888, que aboliu a escravidão no Brasil, a aparição da Virgem Maria para três crianças em Fátima (Portugal), em 1917, e o atentado sofrido pelo Papa João Paulo II na Praça de São Pedro, no Vaticano, em 1981.

1888 – Sancionada a Lei Áurea

O Brasil foi o último país independente da América a abolir completamente a escravatura; mesmo assim, este é um dos mais importantes fatos da história brasileira. Com o imperador Dom Pedro II em viagem ao exterior, a princesa regente Dona Isabel, sua filha, sancionou a lei após cinco dias de debates na Câmara dos Deputados e no Senado Imperial.

A Lei Áurea foi precedida por outras três leis. A Lei Eusébio de Queirós, de 1850, que proibia a entrada de africanos escravizados no Brasil; a Lei do Ventre Livre, de 1871, que libertava todas as crianças nascidas de mães escravas a partir de então; e a Lei dos Sexagenários, que libertava os escravos com sessenta anos de idade ou mais.

O Brasil foi o último país independente da América a abolir completamente a escravatura; mesmo assim, este é um dos mais importantes fatos da história brasileira.

1917 – Aparição da Virgem Maria em Fátima, Portugal

Após passearem com um pequeno rebanho de ovelhas na manhã do dia 13 de maio de 1917, as crianças Lúcia (10 anos), Francisco (9 anos), e Jacinta (7 anos) afirmam ter visto “uma senhora mais brilhante que o Sol”, que apareceu sobre uma azinheira. Segundo relatos, a imagem tinha pouco mais de um metro de altura e a aparição se repetiu nos cinco meses seguintes. Na última delas, em 13 de outubro, a imagem se apresentou como “Senhora do Rosário”.

A história registra que Lúcia via, ouvia e falava com a aparição; Jacinta, por sua vez, via-a e ouvia-a, enquanto Francisco apenas a via, sem ouvi-la.

A história registra que Lúcia via, ouvia e falava com a aparição; Jacinta, por sua vez, via-a e ouvia-a, enquanto Francisco apenas a via, sem ouvi-la.

1981 – Atentado contra o Papa João Paulo II no Vaticano

Um dos pontífices mais carismáticos da Igreja Católica, João Paulo II foi eleito 264° papa da história em 1978, aos 58 anos de idade. Conhecido pela diplomacia, Karol Wojtyła (seu nome de batismo) falava 13 idiomas (italiano, francês, alemão, inglês, espanhol, português, ucraniano, russo, servo-croata, esperanto, grego clássico, latim e polaco), tendo viajado para 129 países durante os 26 anos de seu pontificado.

Em 13 de maio de 1981, quando chegava à Praça de São Pedro para discursar em uma audiência, João Paulo II foi baleado duas vezes pelo terrorista turco Mehmet Ali Ağca. Antes de ser operado, o papa pediu aos médicos que não removessem seu escapulário de Nossa Senhora do Carmo durante a operação. Após se recuperar, o pontífice afirmou que Nossa Senhora de Fátima ajudou a mantê-lo vivo durante seu calvário.

Um dos pontífices mais carismáticos da Igreja Católica, João Paulo II foi eleito 264° papa da história em 1978, aos 58 anos de idade.



Open chat
1
Olá! Como podemos te ajudar?