Motorista derruba moai na Ilha de Páscoa, Chile
Saiba quais são os passos para solicitar a cidadania portuguesa
10/03/2020
Países Baixos constroem segunda maior ponte exclusiva para bicicletas do mundo
12/03/2020

Motorista derruba moai na Ilha de Páscoa, Chile

Pedaço de terra mais isolado do mundo, a Ilha de Páscoa é conhecida por suas enormes estátuas de pedra, conhecidas como moais. Construídas entre 1250 e 1500, as quase mil cabeças da Ilha de Páscoa estão espalhadas por diversos locais do territórios pertencente ao Chile, atraindo milhares de turistas todos os anos. Um destes visitantes, porém, ocasionou um incidente grave ao derrubar uma das centenárias estruturas. O caso foi registrado no início do mês de março e divulgado quase uma semana depois.

Quem denunciou o ocorrido foi Mau Henua, líder de uma comunidade indígena Rapanui. Em entrevista ao jornal El Mercurio, o chefe do grupo disse que “o dano é incalculável” e que “como se sabe, os moais são estruturas sagradas de valor religioso para o povo Rapa Nui e um ato desta natureza não é só um ato repudiável, mas uma ofensa a uma cultura viva que, nos últimos anos, luta para recuperar todo seu patrimônio histórico e arqueológico”.

Segundo relatos locais, o visitante que ocasionou o acidente, um turista chileno que não teve a identidade revelada, perdeu o controle da caminhonete que dirigia e bateu em um dos moais. Para as comunidades que lá habitam, as estátuas são estruturas sagradas que carregam os espíritos dos ancestrais. Os moais da Ilha de Páscoa são divididos em três categorias – Pukao, Rano Raraku e Tukuturi -; segundo a tradição, foram erguidos pelos primeiros habitantes da região, os Rapanui. O blog da Traduzca já falou sobre os moais construídos na Ilha de Páscoa.

Um incidente semelhante aconteceu em 2018, mas em outro ponto turístico da América do Sul. Em janeiro daquele ano, um caminhoneiro perdeu o controle do veículo que dirigia e invadiu um sítio arqueológico, danificando três geoglifos das Linhas de Nazca, localizadas no sul do Peru. Também detido, o motorista do caminhão foi liberado pois conseguiu provar que foi um acidente.



Open chat
1
Olá! Como podemos te ajudar?
Powered by