_yoast_wpseo_focuskw
Estudo norte-americano diz que emojis estão virando uma nova linguagem
20 de abril de 2016
Fotos registram os últimos samurais, o senhor da guerra japonês
22 de abril de 2016

O dia 21 de abril na história do Brasil

O dia 21 de abril é uma data cheia de história para o Brasil. Acontecimentos que ficaram marcados na vida do país, coincidentemente, ocorreram neste dia. Hoje o blog da Traduzca fala um pouco de três destes acontecimentos: as mortes de Tiradentes e Tancredo Neves, e a inauguração da capital Brasília – além de ser véspera de outro fato histórico.

O primeiro registro na linha do tempo é a morte de Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes. Tido como mártir da Inconfidência Mineira, foi enforcado em 21 de abril de 1792. Hoje Tiradentes é o Patrono Cívico do Brasil, Patrono das Polícias Militares e herói nacional. Seu nome aparece no Panteão da Pátria, em Brasília. O feriado de hoje é em homenagem a ele.

21-de-abril-tiradentes

Já que citamos Brasília, vamos ao segundo fato da data. A capital federal foi inaugurada no dia 21 de abril de 1960, pelo então presidente, e também mineiro, Juscelino Kubitschek. O plano piloto da cidade foi projetado pelo urbanista Lúcio Costa, e tem o formato de um avião. Os principais prédios públicos e monumentos da cidade foram idealizados pelo arquiteto Oscar Niemeyer.

21-de-abril-brasília

O terceiro fato está ligado à Brasília, mas ocorreu em São Paulo. Após os 21 anos de Regime Militar no Brasil, Tancredo Neves foi eleito de forma indireta o primeiro presidente civil. Começava o período de redemocratização. Ele adoeceu antes de tomar posse, e o vice-presidente José Sarney assumiu a presidência. Em 21 de abril de 1985, sua morte foi anunciada, e um clima de comoção tomou conta do país.

21-de-abril-tancredo
Anterior a todos estes fatos, chegamos em 1500. O dia 21 de abril é a véspera da chegada da frota de Pedro Álvares Cabral, com as naus Santa Maria, Pinta e Nina, à costa brasileira. O primeiro contato visual registrado por ele foi do Monte Pascoal, na Bahia.