Outubro Rosa: história, dicas e prevenção ao câncer de mama
Texto biográfico de Dom Pedro II pode ter sido escrito por Machado de Assis
06/10/2020
Pergaminho chinês escrito por Mao Tsé Tung é roubado e cortado ao meio
08/10/2020

Outubro Rosa: história, dicas e prevenção ao câncer de mama

Estamos em outubro, mês de conscientização, prevenção e combate ao câncer de mama no mundo todo. Conhecida como Outubro Rosa, a campanha já entrou no calendário do brasileiro, com o objetivo de ampliar o debate e disseminar informações sobre o assunto. Quanto mais informação divulgada e compartilhada em rede sobre o assunto, mais conhecimento estará disponível para todos.

Tendo como símbolo o laço rosa, o Outubro Rosa nasceu em 1990, nos Estados Unidos. Criada pela Fundação Susan G. Komen for the Cure, a peça foi distribuída aos participantes de uma corrida realizada em Nova York naquele ano. Anos depois, nessa mesma época do ano, prédios públicos e monumentos da cidade ganhavam iluminação na cor rosa à noite, como forma de alertar para a prevenção do câncer de mama. A partir daquele momento, a ideia viralizou e ganhou o mundo.

Estamos em outubro, mês de conscientização, prevenção e combate ao câncer de mama no mundo todo. Conhecida como Outubro Rosa, a campanha já entrou no calendário do brasileiro, com o objetivo de ampliar o debate e disseminar informações sobre o assunto. Quanto mais informação divulgada e compartilhada em rede sobre o assunto, mais conhecimento estará disponível para todos.

No nosso país, as maiores incidências de casos estão nas regiões Sul e Sudeste. Todos os anos, 59.700 novos casos de câncer de mama são registados no Brasil, isto é, em média, 164 diagnósticos por dia.

O câncer de mama pode ser prevenido, e em 30% dos casos a doença pode ser evitada com a adoção de hábitos saudáveis no dia a dia. Para isso, é recomendada a prática de exercícios físicos regularmente, consumo de frutas e hortaliças e o consumo moderado de bebidas alcóolicas. A amamentação também protege as mães, além de prevenir a obesidade e o sobrepeso nos bebês.

Fique atenta aos sintomas

Em muitos casos, o câncer de mama pode ser detectado nas fases iniciais. O principal sintoma da doença é um nódulo (tipo um caroço), fixo e geralmente indolor, no seio. O nódulo está presente em aproximadamente 90% dos casos e é percebido pela própria mulher. Outros sintomas são: pele da mama avermelhada, alterações no mamilo, pequenos nódulos nas axilas ou no pescoço, e saída espontânea de líquido anormal pelos mamilos. Na dúvida, consulte seu médico.



Open chat
1
Olá! Como podemos te ajudar?