Primeira tabela periódica da história foi desenvolvida por russo há 150 anos
Queda de meteoro na Rússia só é percebida apenas três meses depois
20 de março de 2019
Levantamento apresenta os dez países mais e menos felizes para se viver
22 de março de 2019

Primeira tabela periódica da história foi desenvolvida por russo há 150 anos

Como tudo no mundo, a tabela periódica dos elementos químicos passou por várias modificações desde que foi criada, em 1869. Comum em laboratórios científicos e livros didáticos, a primeira edição foi desenvolvida pela químico e físico russo Dmitri Mendeleev com o objetivo de classificar e organizar didaticamente os 63 elementos conhecidos à época. O resultado do esforço, porém, demorou um pouco para aparecer. Hoje o blog da Traduzca conta a história deste objeto tão estudado, que completa 150 anos em 2019.

Tudo começou quando Dmitri Mendeleev recebeu um convite da Universidade de São Petersburgo para uma palestra, em 1867. Enquanto trabalhava nos materiais que indicaria para os alunos, o russo percebeu que não existia uma forma simples de apresentação dos elementos químicos. Então, começou a escrever em cartas de baralho os nomes, as massas e as propriedades de cada um dos elementos conhecidos. O resultado de seus estudos demorou um pouco para aparecer.

Por dois anos, o russo embaralhou as cartas sobre uma mesa e tentou organizar até que uma ordem fizesse sentido. Mendeleev elaborou uma tabela vertical baseada no peso atômico de cada elemento. Ele ainda conseguiu prever as propriedades de elementos que ainda não tinham sido descobertos. As tabelas periódicas dos elementos químicos usadas atualmente são horizontais e usam o número atômico como parâmetro para definir o local de cada elemento na organização.

Como falamos no início do texto, tudo passa por várias modificações durante o decorrer da história. Recentemente, falamos aqui no blog da Traduzca sobre um projeto que desenvolveu uma tabela periódica dos elementos químicos interativa, que auxilia estudantes e pesquisadores a descobrir onde é encontrado e como é usado cada elemento químico presente. Como hoje é quinta-feira, dia de #TBT, clique aqui para relembrar essa história.