Quatro curiosidades sobre a história do Brasil
Editora disponibiliza mais de 400 títulos para download gratuito
21/05/2020
Italiana ganha obra de Picasso avaliada em mais de 1 milhão de euros em rifa
25/05/2020

Quatro curiosidades sobre a história do Brasil

Com 520 anos completados no último dia 22 de abril, a história do Brasil é riquíssima. E como toda boa história, ela é cheia de curiosidades. Já passamos por vários períodos, como o colonial, depois o imperial e mais recentemente o republicano, com momentos diferentes. A partir de hoje, o blog da Traduzca apresenta toda sexta-feira algumas curiosidades sobre a história do Brasil, passagens rápidas e importantes para que conheçamos um pouco mais do que já aconteceu por aqui.

  • A carta que Pero Vaz de Caminha escreveu em 1500 ao rei português Dom Manuel I é considerada o primeiro documento escrito da história do Brasil. Descoberta em 1773 por José de Seabra da Silva e publicada pelo historiador Manuel Aires de Casal na sua Corografia Brasílica (1817), o documento ganhou relevância quando o Brasil foi declarado independente de Portugal, em 1822.
  • Desde que Pedro Álvares Cabral desembarcou no Brasil em 1500, nosso país já ostentou 10 bandeiras diferentes, que determinam alguns períodos que vivemos. A bandeira atual foi adotada em 1889, tendo sido alterada algumas vezes com a inclusão de novas estrelas. O blog da Traduzca já registrou todas as bandeiras brasileiras.
  • Estima-se que, na época do descobrimento do Brasil, havia 1.300 idiomas indígenas diferentes. Cerca de mil delas se perderam por diversos motivos. Atualmente, existem cerca de 274 idiomas indígenas falados no país, sem contar os de índios isolados que, por seu isolamento da sociedade, não puderam ainda ser conhecidos e estudados.
  • Segundo o livro Capítulos sobre História do Império, de Sérgio Buarque de Holanda, Dom Pedro II falava, além do português, outros sete idiomas (alemão, italiano, espanhol, francês, latim, hebraico e tupi-guarani) e lia em mais quatro (grego, árabe, sânscrito e provençal). A primeira tradução do clássico árabe As Mil e Uma Noites diretamente para o português foi feita por ele, que realizou o trabalho com um rigor raro para a época.



Open chat
1
Olá! Como podemos te ajudar?