Salvador Dalí renasce em holograma para museu em sua homenagem - Traduzca - Tradução juramentada, simultânea e documentos. Orçamento online!
Comerciais do Super Bowl chamam a atenção do mundo
4 de fevereiro de 2019
Árvore centenária é transformada em biblioteca pública nos Estados Unidos
6 de fevereiro de 2019

Salvador Dalí renasce em holograma para museu em sua homenagem

Um dos mais importantes expoentes do surrealismo mundial vai ganhar uma nova vida nos próximos meses. O artista espanhol Salvador Dalí, falecido há 30 anos, está renascendo em forma de holograma para a exposição fixa do museu que leva seu nome, localizado na cidade de São Petersburgo, na Flórida. A estreia de Dalí no museu está prevista para abril deste ano e poderá ser vista em várias telas do local por tempo indeterminado. Achou meio Black Mirror?

A arte de Salvador Dalí é conhecida mundialmente pela combinação de imagens bizarras e oníricas com a excelente qualidade plástica, que só o artista conseguia imprimir. Entre suas várias obras, o quadro A Persistência da Memória é o mais famoso de sua coleção. Dalí também foi autor de poemas e trabalhou ao lado dos estúdios Disney no curta de animação Destino, lançado em 2003, e com o diretor de cinema Alfred Hitchcock, no filme Spellbound, de 1945.

O projeto “Dalí Lives” ou “Dali Vive”, na livre tradução do inglês para o português, é uma parceria com a agência de publicidade norte-americana Goodby Silverstein & Partners. Usando fotos e vídeos de arquivo do artista, o museu criou um algoritmo para criar o rosto de Salvador Dalí. Um ator foi contratado para fazer a performance do corpo do artista em alguns monólogos. Veja o vídeo abaixo e entenda como será o projeto.

Conhecido pelo excêntrico bigode que ostentava desde que começou a trabalhar, Salvador Dalí faleceu em Figueres, na Espanha, em 1989, aos 84 anos de idade. Produziu mais de 1500 quadros ao longo da carreira, além de desenhos, ilustrações, poemas e dezenas de esculturas espalhadas por todos os cantos do mundo.