Cidadania alemã? A Traduzca faz a tradução juramentada em alemão!

A tradução juramentada em alemão é parte fundamental no processo de obtenção da cidadania alemã. A Traduzca possui tradutores juramentados em alemão para atender a sua demanda.

Como é o processo de obtenção da cidadania alemã?

Muitos dos imigrantes que vieram ao Brasil nos dois últimos séculos deixaram para seus descendentes mais que o sobrenome estrangeiro: a possibilidade de obter dupla cidadania. Com isso, milhares de brasileiros buscam, todos os anos, o privilégio de viajar ao país de seus ancestrais com passaporte estrangeiro, o que ameniza questões burocráticas impostas a turistas brasileiros.

O processo de obtenção deste direito não é simples e as regras podem variar de acordo com o país em questão. A cidadania alemã, por exemplo, é concedida de acordo com descendência/filiação, local de nascimento, adoção ou naturalização. Em princípio, o processo se resume em comprovar que você tem antepassados alemães, sendo necessário apresentar uma série de documentos para tal comprovação. Apesar de ser um processo extenso, alguns Consulados- Gerais, como o de Porto Alegre e o do Rio de Janeiro, já oferecem pesquisa rápida e gratuita para que você saiba se está apto ou não para tornar-se um cidadão alemão. Veja a seguir a seguir um roteiro simples que enumera algumas etapas necessárias durante o processo:

Saiba quem é/foi o seu parente alemão

A dupla cidadania só é possível através da comprovação documental. Isto é, antes da busca dos documentos, certifique-se quem é o seu parente alemão para agilizar o processo. Conforme já dito neste texto, o Consulado-Geral da Alemanha em Porto Alegre já disponibiliza uma pesquisa rápida e gratuita. Além disso, você pode contratar um genealogista ou comparecer ao Consulado alemão para obter tais informações.

Descubra a data de chegada do seu parente alemão ao Brasil

Esta informação é de extrema importância para o processo, visto que alemães que saíam do país antes de 1904 e não retornavam para a Alemanha em até 10 anos perdiam a cidadania automaticamente (sua esposa e filhos menores de idade também). Somente os alemães que possuíam um registro intitulado “Matrícula Consular” (documento necessário de 1871 a 1914) mantinham a cidadania alemã. Para saber se seu parente possuía este documento, entre em contato com o Consulado-Geral de Porto Alegre ou do Rio de Janeiro.

Verifique o sexo do seu antepassado

Antigamente, a Alemanha era um país patriarcal. As mulheres alemãs casadas com estrangeiros trocavam a sua nacionalidade de origem pela nacionalidade do marido. Este cenário só mudou em 1975, quando as mulheres passaram a obter os mesmos direitos dos homens. Dessa forma, verifique junto aos Consulados-Gerais as regras vigentes para cada situação de filiação.

Saiba se alguém da linhagem seguiu carreira nas forças armadas do Brasil

Pessoas que serviram após o ano 2000 por vontade própria ao Exército, Marinha, Aeronáutica, Polícia Civil ou Militar perderam o direito de solicitar a cidadania alemã ou perderam a cidadania alemã caso ela já tivesse sido reconhecida . Caso a pessoa tenha realizado apenas o alistamento militar obrigatório, sem ter feito carreira militar, não há problema.​

Reúna toda a documentação necessária

Certidões de nascimento de todos os parentes que vieram após o seu parente alemão (não é necessário certidão de nascimento de cônjuges, apenas da linhagem direta, ou seja, dos descendentes), certidões de casamento do parente alemão até você, comprovante da chegada de seu parente no Brasil, comprovação de que seu parente alemão não adquiriu a cidadania brasileira, cópia do certificado de nacionalidade alemã (caso alguém já tenha adquirido a cidadania na sua família), cópia de passaporte ou identidade alemã de alguém da sua geração (caso disponível), Matrícula Consular (caso seu parente alemão tenha saído da Alemanha antes de 1904).

Agende uma data para entrega de documentos junto ao Consulado

Você também pode enviá-los diretamente ao órgão federal alemão responsável, o Bundesverwaltungsamt, localizado em Colônia. Caso deseje entregá-los pessoalmente, descubra qual o consulado alemão mais próximo de você e agende uma data para a entrega de documentos. Depois disso, o processo de verificação de sua nacionalidade terá sido iniciado, o que pode levar até dois anos. Ao fim deste processo, será cobrada uma taxa de 25,00 euros em caso de resposta afirmativa e 18,00 euros se a resposta for negativa.

É importante ressaltar que será necessário realizar a tradução juramentada dos documentos para validá-los nesse processo. A Traduzca realiza este serviço de tradução juramentada. Informe-se para saber como este serviço funciona através do telefone 51 3222.2277 ou através do e-mail contato@traduzca.com.br.

A Traduzca também oferece os serviços de tradução, versão, tradução juramentada, tradução simultânea, tradução consecutiva, locução, revisão de textos, legendagem de vídeos e filmes, atendimento bilíngue, apostilamento e consularização. A Traduzca se coloca à sua disposição, oferecendo comprometimento e agilidade na execução dos serviços contratados.

Tradução Juramentada em Alemão

A tradução juramentada em alemão é parte fundamental no processo de obtenção da cidadania alemã. A Traduzca possui tradutores juramentados em alemão para atender a sua demanda.

Muitos dos imigrantes que vieram ao Brasil nos dois últimos séculos deixaram para seus descendentes mais que o sobrenome estrangeiro: a possibilidade de obter dupla cidadania. Com isso, milhares de brasileiros buscam, todos os anos, o privilégio de viajar ao país de seus ancestrais com passaporte estrangeiro, o que ameniza questões burocráticas impostas a turistas brasileiros.

Como é o processo de obtenção da cidadania alemã?

O processo de obtenção deste direito não é simples e as regras podem variar de acordo com o país em questão. A cidadania alemã, por exemplo, é concedida de acordo com descendência/filiação, local de nascimento, adoção ou naturalização. Em princípio, o processo se resume em comprovar que você tem antepassados alemães, sendo necessário apresentar uma série de documentos para tal comprovação. Apesar de ser um processo extenso, alguns Consulados- Gerais, como o de Porto Alegre e o do Rio de Janeiro, já oferecem pesquisa rápida e gratuita para que você saiba se está apto ou não para tornar-se um cidadão alemão. Veja a seguir a seguir um roteiro simples que enumera algumas etapas necessárias durante o processo:

Saiba quem é/foi o seu parente alemão

A dupla cidadania só é possível através da comprovação documental. Isto é, antes da busca dos documentos, certifique-se quem é o seu parente alemão para agilizar o processo. Conforme já dito neste texto, o Consulado-Geral da Alemanha em Porto Alegre já disponibiliza uma pesquisa rápida e gratuita. Além disso, você pode contratar um genealogista ou comparecer ao Consulado alemão para obter tais informações.

Descubra a data de chegada do seu parente alemão ao Brasil

Esta informação é de extrema importância para o processo, visto que alemães que saíam do país antes de 1904 e não retornavam para a Alemanha em até 10 anos perdiam a cidadania automaticamente (sua esposa e filhos menores de idade também). Somente os alemães que possuíam um registro intitulado “Matrícula Consular” (documento necessário de 1871 a 1914) mantinham a cidadania alemã. Para saber se seu parente possuía este documento, entre em contato com o Consulado-Geral de Porto Alegre ou do Rio de Janeiro.

Verifique o sexo do seu antepassado

Antigamente, a Alemanha era um país patriarcal. As mulheres alemãs casadas com estrangeiros trocavam a sua nacionalidade de origem pela nacionalidade do marido. Este cenário só mudou em 1975, quando as mulheres passaram a obter os mesmos direitos dos homens. Dessa forma, verifique junto aos Consulados-Gerais as regras vigentes para cada situação de filiação.

Saiba se alguém da linhagem seguiu carreira nas forças armadas do Brasil

Pessoas que serviram após o ano 2000 por vontade própria ao Exército, Marinha, Aeronáutica, Polícia Civil ou Militar perderam o direito de solicitar a cidadania alemã ou perderam a cidadania alemã caso ela já tivesse sido reconhecida . Caso a pessoa tenha realizado apenas o alistamento militar obrigatório, sem ter feito carreira militar, não há problema.​

Reúna toda a documentação necessária

Certidões de nascimento de todos os parentes que vieram após o seu parente alemão (não é necessário certidão de nascimento de cônjuges, apenas da linhagem direta, ou seja, dos descendentes), certidões de casamento do parente alemão até você, comprovante da chegada de seu parente no Brasil, comprovação de que seu parente alemão não adquiriu a cidadania brasileira, cópia do certificado de nacionalidade alemã (caso alguém já tenha adquirido a cidadania na sua família), cópia de passaporte ou identidade alemã de alguém da sua geração (caso disponível), Matrícula Consular (caso seu parente alemão tenha saído da Alemanha antes de 1904).

Agende uma data para entrega de documentos junto ao Consulado

Você também pode enviá-los diretamente ao órgão federal alemão responsável, o Bundesverwaltungsamt, localizado em Colônia. Caso deseje entregá-los pessoalmente, descubra qual o consulado alemão mais próximo de você e agende uma data para a entrega de documentos. Depois disso, o processo de verificação de sua nacionalidade terá sido iniciado, o que pode levar até dois anos. Ao fim deste processo, será cobrada uma taxa de 25,00 euros em caso de resposta afirmativa e 18,00 euros se a resposta for negativa.

É importante ressaltar que será necessário realizar a tradução juramentada dos documentos para validá-los nesse processo. A Traduzca realiza este serviço de tradução juramentada. Informe-se para saber como este serviço funciona através do telefone 51 3222.2277 ou através do e-mail contato@traduzca.com.br.